(71) 9.9923-3366 [email protected]

Saiba o que fazer para aliviar as dores no pescoço

Tratamento Inicial da Dor no Pescoço

Autocuidado

Quando estamos lidando com uma dor que não foi causada por um traumatismo, ou quando esta não é muito intensa ou prolongada, existem alguns recursos muito eficazes que podem ser utilizados em casa, sem a necessidade de se acionar um serviço de saúde. São eles:

– Alongamento: O termo alongamento é descrito como uma série de exercícios físicos que visam a preservação e aprimoramento da flexibilidade muscular. A contratura muscular prolongada provocada pelo estresse e postura viciosa do pescoço, por exemplo, podem provocar dores. Essas condições podem ser aliviadas pela prática regular de alongamentos da musculatura do pescoço.

– Período de descanso: Na vigência de dor, um período curto de descanso geralmente é benéfico para o organismo. Nesse descanso a pessoa deve manter-se afastada de atividades que exijam postura prolongada como sentar-se ou ficar numa posição de trabalho por muito tempo, incluindo uso prolongado de celular, por exemplo. O descanso não deve ser prolongado, limitando-se a no máximo 48h, do contrário pode tornar-se prejudicial à boa recuperação da coluna.

– Frio e calor: A terapia com gelo ou calor local pode ser benéfica em algumas situações. Se a dor é aguda (nova) e provocada por alguma atividade física intensa, é sugerido inicialmente a aplicação de gelo, pois promove vasoconstrição e diminuição da inflamação. Se a dor é causada por contratura muscular ou é mais prolongada, é recomendado o uso de calor local, que promove relaxamento muscular. Além disso, ambas as terapias, calor e frio, agem inibindo diretamente os sinais de dor, pois a sensação de temperatura (frio ou calor) compete com a sensação dolorosa pela interpretação a nível do sistema nervoso central.

Fisioterapia

Um fisioterapeuta faz ajustes físicos na coluna com o objetivo de melhorar a mobilidade e reduzir a rigidez, desconforto ou dor. Podem ser utilizadas modalidades de terapia ativa, como exercícios aeróbicos, de alongamento e fortalecimento; bem como terapia manual, com atividades de mobilização e manipulação. Técnicas famosas como quiropraxia, osteopatia, RPG, pilates e outros, utilizam uma combinação destas atividades de acordo com uma linha de raciocínio terapêutico específica. A avaliação minuciosa de um fisioterapeuta com treinamento nas principais técnicas de avaliação e manipulação da coluna é essencial para a recuperação dos casos em que a dor se torna mais intensa e prolongada.

Medicamentos

Existem medicamentos que são vendidos sem a necessidade de prescrição médica, e por isso são utilizados como primeiro recurso para combate a dor, tais como anti-inflamatórios não esteroides (AINES), ou os analgésicos como o paracetamol e a dipirona, que bloqueiam a produção de prostaglandinas, fazendo com que o corpo fique menos ciente da dor.

Os relaxantes musculares podem ajudar em alguns casos de dor no pescoço, e podem ser utilizados em associação com os analgésicos e antiinflamatórios.

Entretanto, em casos mais intensos de dor, medicamentos mais fortes como os opióides podem ser prescritos após avaliação médica.

Tratamentos Alternativos

– Massoterapia:

Os estudiosos da massoterapia afirmam inúmeros efeitos fisiológicos positivos desta prática. Estes efeitos permitem, entre outros, relaxamento muscular e nervoso; facilitam a circulação sanguínea e linfática, estimulam a eliminação de toxinas e estimulam as funções dos órgãos vitais. A massagem atua como estímulo muscular e ligamentar. Acredita-se que esta também tenha atuação da dimensão corpo-mente por desalojar memórias emocionais que foram armazenadas em tecidos e órgãos do corpo (microfisioterapia). Portanto, não é incomum notar mudanças emocionais durante uma sessão de massagem. Energia vital, chakras, pontos vitais e vários outros princípios podem ser trabalhados de acordo com as tradições e escolas de pensamento da massoterapia.

– Acupuntura: Essa é uma terapia milenar, cuja metodologia se resume na aplicação de agulhas em pontos localizados do corpo, com a finalidade de melhorar a imunidade, tratar problemas emocionais e atenuar dores corporais. Tal técnica se baseia na ideia de que o corpo é um aglomerado de energia, que se distribuem em vários locais, e quando há um desequilíbrio nessa energia, alguns sintomas aparecem, como dor, irritação, etc. Portanto, a acupuntura visa restabelecer o equilíbrio corpóreo. A acupuntura é uma especialidade médica reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina.

– Meditação: A meditação é descrita como um método de aprimoramento mental que busca melhorar as capacidades psicológicas básicas de uma pessoa. Tudo que ocorre na mente, seja momentos bons ou ruins, repercute no corpo. Portanto, estando em um momento de alcance do bem-estar mental, inevitavelmente isso repercutirá no corpo e será um fator positivo no tratamento da dor.

Esse texto tem o objetivo trazer informação de qualidade e de fácil compreensão para o público leigo, não tem cunho científico e não se trata de recomendação terapêutica. A melhor forma de tirar suas dúvidas é conversando com seu médico.

Deixe seu comentário

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *